quarta-feira, 27 de maio de 2009

Sinais, destino ou coincidências...

Imagem - Gisele Bundchen

Hoje tive um sunny day on the beach. Soube muito bem e deu para matar saudades do sol depois de uma semana bem cinzenta. Enquanto lá estive uma cigana aproximou-se de mim por duas vezes a perguntar se eu queria que me lê-se a mão, a sina, whatever. Das duas vezes lhe disse educadamente que não queria e ela lá acabou por ir embora.

Isto lembrou-me de outro episódio que me aconteceu à pouco tempo... Há uns tempos que quero fazer outra tattoo. Escolhi o desenho que queria fazer, a zona do corpo e decidi que a iria fazer em Outubro, depois de passar o Verão. Mas como sou de ideias fixas nas últimas semanas isto não me saía da cabeça...então nesta última semana ainda pior. Um dia estava a passar de carro no centro da cidade e o que vejo quando olho para o lado? Um cartaz do estúdio de tatuagens onde eu vou sempre! Caiu-me o queixo! Até porque o estúdio não é assim tão perto daquele local...

Fiquei a pensar... É um sinal? Ou é apenas uma coincidência? Coincidências existem? Ou tudo acontece por uma razão?

E vocês, o que acham?

16 comentários:

*B* disse...

Eu sempre disse que achava imaturo pensar que não há coincidências e que tudo acontece por um motivo ou que nada era impossível... Mas por vezes sabe bem pensar o contrário!


Beijinho, querida Sakura*

Mika disse...

Eu repito... Larga as drogas... Isso deve ter sido por causa dos cogumelos, ou até de uma coisa mais forte que tenhas tomado, e depois comecaste a alucinar, e pronto. O resto é história :D

disse...

Um dia na praia? Que inveja! Quanto à tattoo pensa bem Sakura - eu ando há uns 4 anos a pensar se faço ou não. É que o receio de me arrepender é enorrrrme e mais ainda, o medo de parecer ridícula daqui a uns aninhos

Hermione disse...

eu não acredito em coincidências, mas que as há, há :p

quanto a tatoo, a mim é coisa que não me atrai muito... acho que me fartava...

Dexter disse...

Quanto ao dia de praia invejo-te.

Quanto à tatoo, fá-la, se é isso mm que queres. Eu qdo tenho uma ideia fixa tenho de a satisfazer. E gostava de ter coragem de fazer uma tatuagem como deve ser, mas pelas mesmas razões que a Bê n faço.

Giovana disse...

Eu tenho uma!!! :-D

Ah, se está com vontade, faça!

Beijinhos!

Sayuri disse...

Obrigada pela visita, e volta sempre!
Quanto à tatuagem também ando com uma vontade enorme de fazer outra, mas ando a conter-me! Quanto à tua, obviamente que é melhor fazê-la depois do verão! Já imaginaste a quantidade de oportunidades que nao iras aproveitar para ir à praia, se a fizeres agora??... :)

o dono do blog disse...

Eu acredito no acaso. Até porque, no meu caso, deus ia agora perder tempo a escrever o meu destino? ahahah

Beijito.

Helel Ben Shahar disse...

Sinal ou coincidência, pareces, de facto, afim da tatuagem, por isso... go for it!

Swadharma disse...

Eu acho que existem coincidencias!
Num mundo tão saturado de informação, não haver coincidencias é que seria uma grande coincidencia =P

Beijo

Hobbes disse...

Acredito plenamente nas coincidências. Se tudo no mundo e na vida tivessem explicação, acabava por ficar tudo muito chato e sem piada. A mente humana precisa de se distrair a encontrar explicações para as coisas, mas no fim com a capacidade para admitir que não sabe, nem vai perder tempo a descobrir certas coisas.

Quanto à tatuagem, pensa bem, mas o meu instinto seria dizer, faz.
Porque não?
Montes de razões.
Porque sim?
Outros tantos motivos.
Em caso de dúvida arrisca, vai por instinto.
É por estas e por outras que me queixo da vida, mas ao menos, acabo por vive-la. =p

Olhos Dourados disse...

Eu acho que coincidênciase existem... ou talvez não... Olha não sei!

sakura disse...

*B*: acho que pensamos aquilo que mais jeito nos dá num dado momento...se preferiamos que tivesse sido um acaso ou não. Adoro que me chames querida! Não sei porquê, mas é tão giro! :)

Mika: não foi alucinação, aconteceu mesmo! E já te disse que não sei se os suplementos homeopáticos entram na categoria de drogas :p

Bê: eu expliquei-me mal. Eu quero fazer outra tattoo, ou seja, já tenho duas! E não estou nada arrependida! Mas apetece-me fazer esta já...mas quero aproveitar o Sol! Senão tenho de estar 3 semanas sem praia!

Hermione: eu também não sei bem em que acreditar... Quanto à tattoo, ou se faz algo que tenha muito a ver connosco ou então não vale a pena!

Dexter: o dia de praia estava óptimo! Desculpa lá estar a fazer mais inveja :p
As tattoos são algo que não se pode fazer à toa porque é para a vida toda, mas estou muito satisfeita com as duas que tenho!

Giovana: vou fazer sim, mas daqui a uns meses!

Sayuri: gostei imenso do teu blog e é claro que vou voltar!! Vou optar mesmo por fazer a tattoo depois do Verão, eu adoro sol e praia e agora não iria aguentar 3 semanas sem sol!
Obrigada pela visita!

O dono do blog: então há acasos bem giros e dignos de filme!

Helel Ben Shahar: estou mesmo decidida!!

Swadharma: então foi coincidência eu ter olhado justamente para aquele cartaz, naquela rua por onde quase não passo! ;)

Hobbes: a verdade é que a vida assim tem muito mais piada! Eu também sou como tu, faço tudo por instinto, e mais tarde ao olhar para trás...pelo menos tentei!
Obrigada pela visita e volta sempre!!

Olhos Dourados: é como nos dá mais jeito! :)

Beijinhos para todos!!! :D

Anónimo disse...

Baaaahhhh!!! Também quero ir à praia! Achas bem estares a provocar os leitores habituais do blog a dizeres coisas do tipo "Ah, eu já fui à praia e voces não! Toma, toma!" :oP

Bem, a cigana estava a ser insistente... Mas já pensaste que ela podia ter algo importante para te dizer, como por exemplo "Aiiii, nã faça a tatuageeeen!" lol

Acredito em coincidências, mas as coisas acontecerem por uma razão, já não acredito muito... Até porque essa "razão" pode ser interpretada de multiplas formas. Depende de cada um. :o)

Quanto à tatoo, força! Mas depois tens de mostrá-la :oP

Beijinhos,
Rob.

Swadharma disse...

Sakura: Não!
Lembro-me de uma aula de Filosofia em que a professora explicou que algo só existe para nós quando lhe damos a devida atenção.
Por exemplo... vais numa estrada e passas 500 vezes pela mesma arvore, mas nunca reparas nela: para ti não existe!
Mas essa arvore é um castanheiro e, por acaso, estudas isso num livro, numa disciplina! Provavelmente da próxima vez que lá passares, ao reparares nas folhas (por exemplo) lembras-te do que acabas-te de estudar e pensas "Que coincidência... eu estudei isto"!
Nao sei se me fiz entender =P

sakura disse...

Rob: eu depois mostro aqui uma foto quando fizer a tattoo! :)

Swadharma: claro que te fizeste entender! Explicaste super bem! ;)

Beijinhos! ***