segunda-feira, 11 de maio de 2009

Passion for books

imagem daqui

Ontem foi dia de Feira do Livro, finalmente! Quem me conhece um bocadinho sabe que adoro ler. Gosto de ler há tanto tempo, quase desde que me lembro de mim.
Tenho imensas recordações da minha infância, de a minha mãe estar a ralhar comigo para apagar a luz e ir dormir, que já era tarde...e eu só dizia: "só mais um capítulo, por favor...ou então só mais uma página!". Conseguem imaginar isto? Os livros transportavam-me para outros mundos, outras vidas, e eu perdia-me por lá...
Ainda hoje me consigo perder em histórias, romances, descrições que me fazem querer ir a esses sítios, ver o que viram as personagens, viajar... Viajar para outros séculos, imaginar muito quando se entra no reino da fantasia...para depois cair em mim e ver que afinal continuo no meu mundo.
Lá fui eu em direcção ao parque, disposta a calcorrear tudo e a ver cada banca com toda atenção...não deu para ser assim. Aquilo tudo é um mundo...tive de optar pelo que mais me chamava a atenção, pelo que me despertava mais interesse e ceder em nome do meu equilíbrio financeiro também. Comprei 3 livros, cada um maior do que o outro (um deles tem 632 páginas e os outros não ficam muito longe disso). Poupei cerca de 25€ por os ter comprado na feira, o que não foi nada mau!
Mas o pior de tudo...foi sair dali de olhos pregados no chão de tanta vontade que tinha de comprar tantos daqueles livros e de me perder na suas histórias...
Fica para a próxima! =)

13 comentários:

Dexter disse...

Ler faz parte de mim, desde que me lembro que n vivo sem livros. Desde puto, logo que aprendi a ler, que devoro livros...comecei pelos Tio Patinhas e agora leio de tudo um pouco.

Até o cheiro dos livros, a impressão, tudo fascina.

Ainda n fui à Feira do Livro,apesar de trabalhar mm ao pé...tou só à espera de receber p ir estoirar uns euros :D

sakura disse...

Dexter: agora fizeste-me lembrar de uma coisa que eu disse à minha mãe lá na feira...
"Oh mãe, inspira lá...sentes o aroma?"
E ela a não perceber nada...
"Cheira tão bem a livros!".
Ela olhou para mim e sorriu, mas acho que no fundo deve ter tido a confirmação de que a filhota é algo de especial (nós não partilhamos esta paixão) e no seu ponto de vista com um parafuso a menos...ou a mais! =)

o dono do blog disse...

Custa acreditar que há quem não leia e pior, que não goste de ler.
É certo que hoje há muitas mais fontes de conhecimento do que havia há uma década, mas nada se compara a um livro.
Já tentei ler livros online e desisti. Um livro leva-se para a cama, dorme connosco na mesa de cabeceira, leva-se para férias, para a praia, para onde nós quisermos. E muito mais do que conhecimentos, um livro transmite-nos sentimentos.
Os livros estão muito caros, é verdade. Mas quem se queixa normalmente "empanturra-se" em revistas cor-de-rosa ou em jornais desportivos o que, feitas as contas, ao fim do mês dá para comprar um bom livro.

Beijos

Swadharma disse...

"Li que fumar fazia mal...
...deixei de fumar!

Li que beber fazia mal...
... deixei de beber

Li que sexo fazia mal...
... deixei de ler"

Nao leio livros... ja gostei mas cansei =D

disse...

Eu acabei de vir da fnac com dois livrinhos novos. Sabe tão bem! Também sou viciada desde pequenina ;)

sakura disse...

Olá!
O dono do blog: disseste exactamente aquilo que eu penso em relação aos livros e o prazer que é poder levá-los para onde nos apetecer. Hoje ouvi falar do kindle, mas os e-books ainda não me convencem!

Swadharma: estás a falar a sério?! Pelo teu blog diria que és um leitor inveterado...lol

Bê: parece que temos muitos gostos idênticos como este pela leitura! =)

Swadharma disse...

Sakura: Nao!
Ofereceram-me "A Vida num Sopro" mas está encostado =D
Gosto de livros tipo..."Etica para um jovem", "Deixa-me que te conte", "Inteligencia", "Verdadeiro Zen"... por aí... agora romances... que me lembre só li "Fortaleza Digital" do Dan Brown =P

sakura disse...

Swadharma: Tens o "Deixa-me que te conte" do Jorge Bucay? Eu adoro! É um livro que me acompanha e de vez em quando vou ler um conto dele para me "iluminar". Bem me parecia que estavas a escrever algo parecido com um dos contos dele... =)
Beijo para ti*

_Malinha viajante disse...

Também adoro ler!! Gasto um dinheirão a comprar livros!!:))
bjs

Anna disse...

A forma como sinto o prazer de ler é precisamente essa! A fuga à realidade, o navegar por espaços e tempos distantes, a magia de sair do mundo para entrar em mundos!

É precisamente por isso que prefiro de longe a ficção ao ensaio... Muito embora não elimine nenhum dos dois das minhas estantes...

Também não tive oportunidade de ir lá este ano ainda... o tempo tem estado demasiado inclemente para com a feira... mas espero estar lá amanhã ou depois! Com a mesma vontade de sempre - de me perder por lá...

(Swadharma, "Ética para um Jovem" é um título que raramente oiço na boca das pessoas com quem me cruzo... com muita pena... aí está um livro que simplesmente descrevo como delicioso! - Já leste "O Valor de Educar", do mesmo autor? Se "a tua praia" não são muito os romances e o estilo do Savater te agrada... hmmm, parece-me que vais gostar!)

Pedro Almeida disse...

E não achaste que a Leya desvirtua um pouco o espírito original das feiras do livro?
Entrar no espaço deles é quase como ir a uma Fnac...com seguranças, alarmes contra roubos, promoções leve 4 pague 3, oferta da bonés, etc.
Não tem nada a ver com as feiras que me recordo da minha infância.

sakura disse...

Pedro Almeida: acho que sim, perde-se um pouco o espirito da feira do livro. Até fiquei desorientada porque estava a querer pagar os livros a um dos colaboradores em vez de ser na zona das caixas! =) Beijinho!

Anónimo disse...

Sakura...,

eu deixo os livros todos para vocês leitores.... não me interpretem mal, mas já li o suficiente.... LOL
pois eu agora só gosto de andar com os pés bem assentes na terra... para ver o que ando a fazer ;) :P

FIXED WING