segunda-feira, 22 de fevereiro de 2010

Back to reality


Depois de duas semanas a Sul, que foram remédio santo para os meus problemas, fazer as malas e regressar a Lisboa não foi nada fácil.
Os últimos dois dias foram de mixed feelings. O querer aproveitar o tempo, a tristeza que me invadia por ter de voltar para mais a norte, aquele sentimento estranho que parece saudade antecipada...
Volto cheia de energia, com a promessa que fiz à família e ao meu Menino de tentar não me stressar porque o resultado é desastroso. Nada de stress, nem no trabalho nem em lado nenhum. A promessa foi de tentar...porque sei que fervo em pouca água...quase a seco... Lol :)
Metade do meu coração ficou a Sul com o meu amor, no nosso ninho...não há nada a fazer porque aquele é mesmo o cantinho onde me sinto bem, e com quem me sinto bem.

10 comentários:

S* disse...

Toca a voltar à normalidade!

Hermione disse...

pois, tem de ser... mas de certa forma são as separações que acabam por fazer esses momentos tão especiais :) beijinho

Swadharma disse...

Tens que tentar ser um pouquito mais Zen =)

*

Chocolate disse...

volta com calma!

tens um selo no meu blog!

bjs para ti e para o menino ;)

Olga disse...

Estar longe de quem amamos é complicada. Mas agora com tanta tecnologia é mais facil ficarmos próximos, só falta mesmo os abraços e os carinhos. Mas estamos aqui para te ajudar a ultrapassar os momentos menos bons, combinado? Olha Linda tens um desafio no meu blogue, é uma brincadeirinha, espero que alinhes. Beijinhos.

Patrícia disse...

É difícil sairmos de onde nos sentimos bem!

Olhos Dourados disse...

Porque é que o que é bom acaba depressa?

Kikas disse...

vá sakura, vais ver que o momento de voltar a vê-lo vai chegar em breve :) parece sempre uma eternidade, eu sei.. mas pode ser que o vejas mais depressa que aquilo que imagines :D

Pinkk Candy disse...

Não é nada fácil, mas que fazer! Vá lá que as novas tecnologias ajudam bastante, imagina que fosse no tempo das cartas pelo correio, era bem pior =)

xoxo

Vani disse...

Oh nina :( sei como custa :(

Mas as alegrias do reencontro superam essas tristezas :)

E estão sempre juntinhos, sempre, mesmo em pensamento. Porque, afinal, encontraram-se e completam-se :) Isso é o mais importante, o resto virá por acréscimo, porque cada dia é mais um dia em que se vos aumenta a certeza do que querem, que é, um ao outro: :)

Nem sabes como fico contente por se terem encontrado :) nasceram um para o outro :)