sexta-feira, 31 de julho de 2009

Quem desdenha quer comprar


Sabem quando alguém comenta connosco qualquer coisa e respondemos: eu cá nunca faria uma coisa dessas e damos por nós uns tempos mais tarde a fazê-lo?
Por vezes a vida troca-nos as voltas.
Não estou a falar dos nossos valores e das coisas que fazem de nós o que somos. Mas sim de algo que julgamos ser assim e no fim é assado :)
Querem perceber melhor?
Eu tinha algumas manias.
Era mulher de dizer: eu gosto é de homens mais novos (só porque até àquela altura todos os meus relacionamentos tinham sido com homens mais novos)...
Gozava com a minha querida amiga R. pelo facto de ela arranjar sempre namorados que moravam a muitos quilómetros de distância dela: não sei como fazes isso...namorado que mora longe, onde é que já se viu?!
Achava estranho que alguns casais meus amigos quisessem morar juntos ao fim de pouco tempo de namoro...
E agora, a vida trocou-me as voltas todas! E sabem que mais? Não me importo nem um bocadinho. Idade é sinónimo de experiência e de maturidade. Só agora percebi que é de alguém assim que preciso de ter a meu lado. O longe faz-se perto e Portugal é bem pequenino comparado com muitos outros países. Quando se quer muito, tudo é possível. E morar com o meu Menino é já um sonho a realizar.
E a vocês? A vida já vos trocou as voltas?
Contem! :D

17 comentários:

maçã disse...

Eeheheheh, quem te viu e quem te vê, sem duvida o amor da-nos a volta à cabeça

disse...

Claro que sim! Tantos "eu nunca" que eu disse e que a vida se encarregou de me ensinar que não é bem assim. Como dizes, é uma questão de maturidade, de experiência de vida e de vivências que nos ensinam que para viver, para amr, as regras não podem ser rígidas...

Aninhas disse...

Já :-p Tinha um namorado e ingressei na faculdade que ingressei para estar perto dele... Não resulto e o namoro foi pelo cano abaixo! Prometi a mim mesma que não ia querer nada um gajo por um bom tempo... Mas depois acabei por me apaixonar e olha... Já lá vão 3 anos de namoro :-p
Não vale a pena dizer "eu nunca farei isso ou aquilo", a vida troca-nos sempre as voltas :-p

Bjx

_Malinha viajante disse...

Pois claro que sim!! Uma das coisas que aprendi é que o "nunca" não deve fazer parte do nosso vocabulário!! ;PP
bjs

Swadharma disse...

A mim já!
Muitas vezes... para não falar das mais pessoais, vou apenas dizer que já fui LITERALMENTE atrás de um amor. Deixei a minha família, e fui ter com ela... passava semanas lá para e por ela... a recompensa? A maior desilusão que ja tive no campo dos amores!
Enfim... assim se aprende!

*

Olhos Dourados disse...

A vida às vezes tem coisas dessas!

Hermione disse...

por isso é que nao podemos dizer 'desta agua nao beberei'. e mais quando entra o amor, nunca se pode definir nada.. beijinho

Chocolate disse...

Pois vira-se o Feitiço contra o feiticeiro...

Olha eu tb passei por uma assim...Sempre namorei com meninos altos e desportistas assim da minha idade e tal...

Ah pois é, casei com o meu P. que de desportista não tem nada e que é 10 anos mais velho que eu.

Minha querida não és caso único não senhora!

Beijos Doces

Giovana disse...

Ahhh, bastante...

É, no Brasil mesmo, várias pessoas de lugares muito distantes resolveram assumir um compromisso. Tenho um conhecido que é de São Paulo e namora uma moça de Manaus. Ambas cidades distam entre si, nada menos, que 3971Km por terra e 2689Km por ar.

Como você disse, só o tempo traz amadurecimento nas decisões. Talvez, o repúdio a algo, hoje, nada mais é que um desejo oculto que virá a se tornar realidade, amanhã!

O legal é estar sempre aberta a novas oportunidades.

Beijinhos

Le Enfant Terrible disse...

Se já trocou? Está a sempre a trocar e sempre de forma inesperada, a todos os níveis, umas vezes para melhor outras para pior e outra ainda que nem para melhora nem para pior, são as tais máximas "não há verdades absolutas" e "nunca digas desta água não beberei"!

Fred Eat Cock disse...

Queres dizer que o próximo passo é arranjar um namorado na casa dos 70?
É que a experiência só conta muito, quando ainda se consegue "fazer" bem o que se aprendeu lol.
Por outras palavras: um homem maduro não é bem a mesma coisa que um homem a cair de maduro eheheh.

Matchbox32 disse...

Constantemente! Aliás, nunca se pode tomar nada como garantido...

Beijinhos!

ML disse...

A vida já me trocou muitas vezes as voltas. E continua a fazê-lo, é impressionante!

Sempre dei como certo muitas coisas que o tempo me mostrou que afinal... não eram certezas absolutas!

Estas mudanças de opiniões e de sentires, normalmente dão-se quando o "Love is in the air"!! ;)

Anna disse...

Sim, acontece com mais frequência do que desejaríamos...
Mas se, como no teu caso, dás por ti a beber da tal água de que tanto desdenhaste, e se isso te deixa feliz, plena... bom... então nesses casos diria que é um prazer admitir que estávamos erradas!
;)

Maria disse...

Quanto mais se diz nunca, mais a vida nos dá o contrário.. Não vale a pena dizê-lo.

beijinho.

SRRAJ disse...

Costumo usar a expressão "pagar pela língua". E nem imaginas o quanto tenho pago ... ;-)
Beijo

Miguel disse...

A distância é o que quisermos fazer dela...
Quando se Ama, não há distância que nos separe, pelo menos aqui, nesta especie de país.
Sei bem disso. Mas há quem não aguente...